1 1

sábado, 31 de março de 2012

LINA

LINA

Falando-lhe manhas,
Com voz de carinho bobo,
Palavras de amor materno
E ela, com olhar de desdém,
Ignorando-me
Com sua preguiça felina.


2 comentários:

  1. Lindaaa Lina! Adorei a homenagem a ela!!!

    ResponderExcluir
  2. Lembrei da Patti, minha siamesa.

    Aprende-se demais com essa especie.

    ResponderExcluir